Guilherme Coelho reúne instituições para enfrentar à mosca das frutas no Vale do São Francisco

Sindicato dos Produtores Rurais > Blog > Sem categoria > Guilherme Coelho reúne instituições para enfrentar à mosca das frutas no Vale do São Francisco

Motivado a tornar o Vale do São Francisco em uma zona livre da mosca das frutas, Guilherme Coelho – presidente da Associação Brasileira dos Produtores e Exportadores de Frutas e Derivados – reuniu representantes de instituições públicas e privadas nesta sexta-feira (28), para discutir ações concretas e com resultados. O encontro presencial foi realizado na sede do Sindicato dos Produtores Rurais de Petrolina, em Petrolina. Por videochamada, o diretor do Departamento de Sanidade Vegetal, Carlos Goulart, participou representando o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Na ocasião, Carlos Goulart apresentou as ações que são desenvolvidas no combate à mosca das frutas no país. O diretor do Departamento de Sanidade Vegetal destacou que países como Guatemala, México e Nicarágua apresentam melhor manejo da praga que o Brasil, mas defende que o país está pronto para lidar com a questão. “As experiências exitosas que conhecemos mostram que é preciso aliar os órgãos públicos de defesa e produtores para ter sucesso. É preciso definir o que se espera de cada ator do processo, ou seja, o que cada instituição pode e deve fazer”, explicou.

O presidente da Abrafrutas, Guilherme Coelho, coordenou o encontro. “O envolvimento de todos os órgãos governamentais não será suficiente para combater a mosca das frutas se não houver a participação efetiva, constante e comprometida dos produtores rurais, desde o agricultor familiar até o grande empresário. Estou confiante que vamos sensibilizar a todos para que o vale fique livre da mosca das frutas”, disse o presidente

Como resultado da reunião, foi definido que todas as instituições participantes devem gerar relatório evidenciando o que faz e pode fazer para combater a mosca das frutas na região. Um novo encontro foi marcado, para avaliação do cenário e discussão das possibilidades para ampliar as ações e buscar recursos.

O ponta pé inicial para inicial que provocou essa mobilização no combate à mosca das frutas no Vale do São Francisco foi dado pelos técnicos do Sebrae sertão, há duas semanas, e o presidente da Abrafrutas abraçou a ideia. O encontro reuniu representantes da Abrafrutas, Mapa, Embrapa, Incra, Sebrae-PE, Sebrae-BA, Adab, Adagro, Valexport, Centro de Excelência de Fruticultura, Sindicato Patronal e empresas privadas.

Foto/Texto: Andréa Meireles

Assessora de Imprensa de Guilherme Coelho, presidente da Associação Brasileira dos Produtores Exportadores de Frutas e Derivados (Abrafrutas)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

Powered by WhatsApp Chat

×